Evento Turismo: Praia de Santa Teresa

Ir em baixo

Evento Turismo: Praia de Santa Teresa

Mensagem  Jan Katzen Sawiski em Ter Mar 31, 2015 8:36 pm



Evento, Turismo 01.



Foto


"Santa Teresa, cidade alvo de centenas de surfistas de todo mundo, em busca de várias ondas. Um lugar onde as areias brilhantes contrastam positivamente com as águas cristalinas. Também é destino de quem se interessa por pesca submarina, assim como oferece diversos serviços para o caso de você apenas querer relaxar"

Agora, é hora de visitar Santa Teresa, na Costa Rica. Me interessei pelo lugar simplesmente por sua beleza natural. Não gosto muito de praias, gosto mais de explorações, então passei boa parte de meu tempo apenas explorando tudo. Essa foto? Eu tirei, obviamente. Vi os três ali, não consegui identificar muito bem no que estavam montados, mas era uma imagem imperdível, e eu não a perdi, obviamente.

Depois de tirar a foto, assustei os três sem querer, e corri para aquela área de matas ao fundo da imagem. O que tem de flora e fauna silvestres no local... Vocês não tem ideia! E a noite então, hum... Serviço exclusivo para meta-humanos, nem se importaram, ainda me deram gratuitamente um tratamento para minha pelugem, deixando-a bem lisinha e macia. E o carinho, então? Parece até que não é todo dia que eles veem um felino amigável. Recomendo totalmente a visita, valeu muito a pena.


valeu @ carol!
avatar
Jan Katzen Sawiski
Heróis
Heróis

Mensagens : 71
Moedas : 2620
Data de inscrição : 02/03/2015
Idade : 23
Localização : New York

Ficha do personagem
Nível:
Grupo: Liga da Justiça
Raça: Mutante

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Evento Turismo: Praia de Santa Teresa

Mensagem  Sarah Bloodstone em Ter Abr 07, 2015 3:16 am



Evento, Estranho Olhar 01.



Foto



Costa Rica... Minha intenção era passar por todas as praias enquanto estivesse de férias, passando pela América Centra, e uma delas era a praia de Santa Teresa. Talvez fosse o dia não muito ensolarado, com algumas nuvens, mas ao contrário de deitar numa cadeira de praia para observar o mar, embaixo da segurança de um guarda-sol, decidi fazer uma caminhada pela praia não tão deserta... Alguns transeuntes, moradores locais, e um gato humanoide... Gato humanoide... Espetáculos de bizarrices que a vida coloca no dia-a-dia de pessoas aleatórias ...
"Gatos já são nojentos por natureza... Imagina o tamanho das bolas de pelos que essa 'coisa' deve vomitar... Credo..." Penso enquanto vejo ele correr pra uma mata virgem, chamando a atenção de três moradores locais (ou turistas, quem pode saber...)...
Quando ele vai para a mata, percebo uma movimentação sorrateira que até aquele momento, havia passado despercebido... Vejo seguindo em passos rápidos um homem com boné e roupas longas, incomum para o ambiente de uma praia, mas bastante úteis para perseguir outra pessoa em meio às sombras e, pela direção que ela passou a seguir por dentro da mata virgem, ele queria pegar o gato humanoide... Normalmente heroísmo não é uma das minhas qualidades, principalmente quando estou de shorts jeans, chinelos de dedo, biquíni amarelo, bolsa de crochê e boné de baseball...
Respiro fundo, observando o ritmo de aceleração do homem misterioso rumo à mata fechada de forma atenta, pego meu boné arremessando-o direto entre os pés do rapaz, que tropeça caindo com as mãos no chão... Em milésimos de segundos coloco minha mão na bolsa de crochê, mantendo minha arma em mãos apenas para sacar e atirar a qualquer movimento... Me aproximo rapidamente do homem enquanto ele se levanta, aponto a arma na nuca dele destravando de forma a fazer ele ouvir o som:
- Quem é você? Pergunto séria... Não, nem pense em se mexer e eu deixo um buraco na sua cabeça... Falo com muito mais seriedade...
A proximidade é o erro dos atiradores rápidos de média distância como eu, pegar um alvo tão de perto abre espaço para um contra-ataque preciso físico, além da possibilidade de ser vista e receber um ataque à distância rápido... Em um movimento rápido, o homem de boné se vira para mim acertando minha mão e fazendo minha arma ser arremessada alguns metros, e antes que ele pudesse me acertar com um soco no rosto, me jogo para o lado enchendo a mão com areia...
Em um milésimo de segundo, torcendo para ele não estar de óculos escuros, jogo a areia em seu rosto e, por vê-lo levar as mãos aos olhos, parecia estar certa... Acerto um chute entre suas pernas, mas ele consegue se esquivar fugindo em direção à mata, tinha um dilema à minha frente: pegar minha arma e tentar um tiro de longa distância torcendo para ter sorte, e pegá-lo ainda fora da área das árvores e dos outros turistas, ou então persegui-lo e arriscar me perder na mata, além de provavelmente perdê-lo de vista ou mesmo ter que enfrentá-lo corpo-a-corpo, uma modalidade que não era exatamente a minha forma predileta de combate... Pego minha arma em uma fração de segundo, voltando minha visão rapidamente para as árvores onde o homem havia fugido, à procura de qualquer movimento, porém nada... Parecia que ele havia fugido e talvez fosse melhor assim, atirar em alguém como um turista nunca dá boa coisa, e sempre rola problemas com o consulado e as autoridades locais... Guardo minha arma novamente na bolsa de crochê, colocando o boné na cabeça após tirar a areia dele e voltando para o hotel, aquele evento me deixaria mais cuidadosa, e provavelmente me faria checar as chaves duas vezes antes de ir dormir...


valeu @ carol!
avatar
Sarah Bloodstone
Neutros
Neutros

Mensagens : 99
Moedas : 2684
Data de inscrição : 27/02/2015
Idade : 23
Localização : Metropolis

Ficha do personagem
Nível: Epsilon
Grupo: Sem Grupo
Raça: Humanos

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum